quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Bulking ou gordice???

Bulking é uma palavra tipicamente usada por fisiculturistas mas os frequentadores de academia de apossaram dela. Descreve alguém em uma fase de aumento de calorias acima da manutenção, a fim de atingir massa magra tanto quanto possível. Hoje em dia, as pessoas utilizam essa palavrinha pra dizer que estão em aumento seu peso, com fotos no instagram, facebook, etc, sempre muito recheadas de hashtag´s que inspiram qualquer um (só que não).

Se valer de uma ingestão calórica maior será de grande valia pra próxima fase, o cutting, porque seu corpo construiu uma adaptação maior à maior ingestão de calorias e uma maior taxa metabólica, assim, fazendo a redução da gordura via redução lenta da nutrição muito mais atingível e possível.

A aumento da ingestão calórica é vital para o desenvolvimento de massa magra. No entanto, um dos maiores erros é achar que bulking é comer um monte de porcaria. 

As pessoas acabam usando isso como desculpa para comerem o que quiserem, tanto quanto quiserem. Os alimentos do bulking são tão importantes quanto os do cutting!

O resultado de escolhas ruins pode ser desastroso, com quantidade excessiva de ganho de peso em gordura.

Imagine ganhar 15kg no bulking mas apenas 3kg de massa magra e 12kg de gordura. Você vai parecer um concorrente ao Rei Momo no Carnaval ou vão perguntar se você parou de treinar, ambas as opções trágicas e, com certeza, fora do intuito inicial.

Tanto o cutting quanto o bulking devem ser planejados, independentemente se você vai competir ou não. Deve ser feito uma anamnese, um planejamento de suas condições atuais e seu objetivo.

Para uma assessoria completa sobre treino, dieta, etc escreva e-mail para mrfreky2011@hotmail.com e peça informações de como aderir! Seu corpo agradece!

Stay strong !

Betão


Nenhum comentário:

Postar um comentário