quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Os erros mais comuns ao se treinar abdominais

1) Mover ou forçar o pescoço
Se sua academia possui um lugar específico pra se treinar abdominais, dê uma olhadinha nas pessoas que estão por ali. Há uma certa frequência em se ver o que poderia ser chamado de "fazer flexões com o pescoço". Claramente, ao cair nesse erro, não treinamos abdominais. Na melhor das hipóteses, exercitamos os músculos do pescoço. Em vez de fazer força nos músculos abdominais, deixamos o pescoço inclinado para cima e para a frente. No final, esforça-se a musculatura do pescoço e, como resultado, acaba dolorido.
Para evitar esse e possíveis problemas cervicais, sempre olhe fixo para um ponto acima de sua cabeça, no teto.
 
2) Impulsionar ou ajudar com os braços
Este erro tem uma relação muito estreita com o primeiro. Uma abordagem comum é fazer flexões e apoiar as mãos entrelaçadas na nuca. É uma posição que pode também levar a problemas cervicais. É comum cair na tentação de forçar as mãos para levantá-lo para cima. Você não deve mover seus braços ou mãos para exercer pressão sobre o pescoço, simplesmente repousá-las.
Para evitar esse erro, a melhor opção é deixar os braços cruzados sobre o peito ou nas laterais do tronco. 
 
3) Subir mais pra "pegar" mais
Nada está mais longe da realidade. Ainda que subir e tocar os joelhos soe melhor, mais produtivo, de modo que o "crunch" típico pareça ser eficaz, não o é. Subir 30° com a horizontal é o ideal e você está trabalhando corretamente´sua musculatura. Se você subir mais do que isso, outros músculos entram em jogo e torna-se um exercício diferente.
 
4) Tocar os ombros do chão
Outro grave erro, e muito comum, é fazer repetições de modo que seus ombros toquem o chão. Antes de levantar o tronco, você deve elevar seus ombros, cerca de dez centímetros do chão e aí começar o movimento. Essa pequena distância do solo será o inicio e fim do movimento.
 
5) Mais não é melhor
Esta declaração não precisa ser sempre válida. Mas será se você fizer abdominais pensando em perder gordura abdominal. Lembre-se que você não pode perder a gordura localizada (apenas em uma área do corpo). Além disso, se você treinar em excesso, será contraproducente.
 
6) Retirar a lombar do solo
Na grande maioria dos exercícios abdominais, a lombar deve permanecer em contato com o solo, para evitar problemas nas costas.
 
7) Esquecer a forma correta de respiração
Respirar adequadamente faz o treino mais eficaz. Inspire quando os abdômen relaxar e expire quando contrair.
 
8) Velocidade excessiva
A execução dos exercícios abdominais deve ser tranquila, lenta e constante. Deixe pra mostrar sua explosão quando você fizer um teste físico pra algum concurso.
 
9) Sem variação de exercícios
Muitas vezes, a rotina de exercícios abdominais é chata, apenas com "crunch", sem elevações, encolhimentos, etc. Não se esqueça também de treinar oblíquos e transversais. Mude a angulação dos exercícios, cargas, etc.
 
10) Não treinar lombar
Uma área esquecida por quase todos que treinam abdominais. Treine lombar para evitar descompensação. Um abdominal fraco, muitas vezes, é reflexo de uma lombar enfraquecida.
 
Não se esqueçam que para que os abdominais fiquem em evidência é necessário ter um índice baixo de gordura corporal e isso só ocorre através de dieta personalizada. Não existem milagres, existe um trabalho consistente e objetivos reais.
 
Stay strong !
 
Betão



Nenhum comentário:

Postar um comentário