sábado, 5 de setembro de 2015

Escala de percepção de esforço ou Escala de Borg

Talvez seu profi de musculação já tenha ouvido falar sobre uma escala para o nível de intensidade do treinamento. Mas, pode ser que ele não saiba do que se trata. Então, você tem agora um bom motivo pra puxar um papo com o professor que só dá atenção pra mulheres e deixa os meninos de lado. Pergunte se ele conhece a escala de Borg. Mas não faça na maldade, só pra sacanear, achando que ele não sabe do que se trata .... ou faça, sim ....

Escala de Borg ou escala de percepção de esforço é uma ferramenta muito útil para medir, subjetivamente, o esforço que você faz em uma determinada atividade. Essa escala foi proposta pelo sueco Gunnar Borg e ela, em princípio, quantificava a percepção de esforço em 20 níveis, mas, em seguida, foi simplificado em 10.

Esta tabela permite que você controle a fadiga em qualquer atividade que você realize, e, portanto, saberá exatamente que efeito terá a intensidade do exercício enquanto você trabalha, dependendo de sua finalidade. Pode, dessa forma, cercar, de maneira eficiente, o caminho pra alcançar sua meta. Por exemplo, correr em alta intensidade para um teste físico curto (tiro de 50 metros), se preparar para uma corrida de 12 minutos (TAF). OBS : Para se preparar para um concurso público (TAF), o tio oferece o serviço de TAF Coach (escreva um email para mrfreaky2011@hotmail.com e peça informações). 

É interessante, portanto, quantificar essa percepção de esforço para direcionar de forma adequada seus treinamentos, inclusive para redução de peso. 

Escala de percepção de esforço de Borg (modificado):

0: Descanso
1: Muito, muito leve
2: Leve
3: Moderado
4: Relativamente difícil
5; 6: Difícil
7; 8; 9: Muito difícil
10: Esforço máximo

Essa escala também pode ser usada quando o aluno vem com a pergunta sinistra mais criativa de todas "Que carga eu uso ?" 

Depois de explicar que o professor não é adivinho, você pode submeter o aluno a alguns esforços e perguntar como ele se sente. Alunos menos experientes não sabem nem que peso usar, o que dirá "sentir o esforço que está fazendo", portanto, cuidado, professor.

Stay strong !

Betão

Nenhum comentário:

Postar um comentário