segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Dorsais "árvore de Natal"

Muitas vezes chamado de “Árvore de Natal” pelos entusiastas de musculação, este músculo é muito importante para o treino.

Eretor da espinha
O músculo sacroiliolombar ou eretor da espinha (em latim erector spinae) tem a função de manter a postura e realizar alguns movimentos da coluna vertebral. Este músculo se localiza entre os ângulos das costelas e os processos espinhosos medianos das vértebras. Faz parte dos músculos intrínsecos do dorso e se divide em três ramos : iliocostal (parte lombar do iliocostal do lombo, parte torácica do iliocostal do lombo e iliocostal do pescoço), longuíssimo do dorso (do tórax, do pescoço e da cabeça) e espinal (do tórax, do pescoço e da cabeça).

Fáscia toracolombar
A fáscia toracolombar consiste de três camadas de fáscias e aponeurose de vários músculos – o grande dorsal, serrátil posterior inferior, oblíquos internos e abdominais transversos. A camada posterior da fáscia insere-se nos processos espinhosos e cobre os músculos da coluna. A camada média é posterior ao quadrado lombar e insere-se nas pontas dos processos transversos e ligamentos intertransversos. Esta com a camada posterior envolvem os músculos eretores da espinha. A camada anterior é uma lâmina final anterior ao quadrado lombar e insere-se na face anterior dos processos transversos e ligamentos intertransversos. A fáscia toracolombar reforça todo sistema ligamentar posterior através da orientação de suas fibras e inserções na coluna lombar e região pélvica. A tensão passiva na camada posterior da fáscia ocorre com a inclinação para frente da coluna lombar sobre a pelve ou com a inclinação posterior da pelve. A tensão suporta a vértebra lombar inferior através da estabilização contra os movimentos de flexão. Sua função principal é de prover estabilidade e suporte à coluna lombar, à medida que funciona na dinâmica do tronco em conjunção com suas inserções musculares.

EXERCÍCIOS
  • Hiperextensão lombar
  • Good mornings
  • Terra romano


Nenhum comentário:

Postar um comentário