quinta-feira, 21 de março de 2013

As entrelinhas da academia



Passendo pela academia BetoFlex, vi um camarada que murmurava, sentado no banco de supino, pedindo forças pra quebrar seu recorde pessoal, enquanto enrolava a faixa de punho. E fez, como o combinado consigo mesmo ... Olhos vermelhos, esbugalhados, olhou pra mim com se perguntasse "E aí, Betão, valeu?" .... E valeu, ah, se valeu ....

Do outro lado da sala, gemidos de dor ... era o agachamento fazendo "mais uma vítima". Ao levantar, vi nos olhos do aluno todo o orgulho por ter feito mais uma repetição. "Uma a mais que da última vez, Betão" ...

Reclamando da dor muscular tardia, um outro montava a barra pra fazer rosca direta ... "Hoje vou colocar 20, Betão, será que sai?". E um sorriso selou nossa conversa ...

Na esteira, uma senhora com marcas da vida pelo rosto corria mais que a moça de 18 anos. Em seu olhar, uma determinação que poucos naquele horário possuíam ... "Eye of the Tiger" resumiria aquilo ... E ela continuou mesmo depois que a mais nova saiu ....

O menino magro preparava seu shake pós-treino, enquanto o mais gordinho, que já perdera mais de 15kg, pensava na próxima refeição da dieta ...."Betão, depois do treino, só proteína"

Dois alunos tentavam fazer uma repetição na barra fixa, transpirando e gemendo muito, enquanto um terceiro ia para as paralelas com o cinto adicionado de 20kg ...

Um barulho na sala ao lado me mostrou que o levantamento terra era o exercício de alguém naquele dia ... um grito e o chão tremeu ... mostrando que aqui esse treino não é proibido, não ... 

Vi bi-sets, tri-sets, 21 .... Vi circuitos, repetições forçadas, negativas ... vi força, garra, determinação ...

E nesse ambiente, meu lar, meu habitat, percebi que não precisava mais de filmes ou histórias em quadrinhos ... os heróis da vida real estavam ali comigo ....

4 comentários:

  1. Betão, mesmo sem estar na Betoflex consegui visualizar cada cena descrita...sensação estranha de insatisfação aqui comigo, parece que o que fiz até agora não é o bastante...esse texto me fez refletir sobre a minha condição. Obrigado!

    ResponderExcluir
  2. Tudo que fazemos nunca será o bastante. Nós sempre queremos mais, e devemos sim, sempre querer mais!

    Muito bom o post Betão! Inspirador!

    Lendo o blog do Betão e ouvindo LetoDie! Pq? Porque hoje o treino é PERNA!

    lifemaromba.blogspost.com.br

    ResponderExcluir
  3. PO BETÃO,ESCORREU ATÉ UMA LAGRIMA..KK
    PARABENS

    ResponderExcluir