sábado, 21 de maio de 2011

Procura-se um Maromba

Sei que o Pagano vai querer me matar, mas senti necessidade de escrever algo aqui. Afinal, só fotos pro final de semana é pouco. (Pagano é um aluno, o Guilherme, que está me ajudando a organizar o blog ... eheheh). Pagano, meu querido, prometo que vou tentar não fazer mais isso !!!

Como seria interessante se esses novos filmes de super-heróis fossem feitos com caras realmente grandes e não por computador, como foi o caso do Incrível Hulk (ou pior, feito por um atorzinho raquítico meia-boca para o novo filme do Conan). Uma fila do lado de fora do estúdio de gravação só com caras enormes para fazer o teste, pessoal sentado nas calçadas com suas marmitas com ovos cozidos, macarrão integral, coqueteleiras com whey protein e albumina, calças balões largas coloridas e camisetas regatas. Seria uma cena fantástica, hein! Assustador para a maioria das pessoas. E onde acharíamos esse biotipo para o filme ? Em academias, claro ! Bom, essa é a resposta mais óbvia. Mas não é a única. Já reparou que em algumas profissões os caras DEVEM ser grandes (pré-requisito) e que em algumas os caras FICAM grandes (por conseqüência de anos na profissão) ? Pois é ... comecei a reparar (de uma forma bem máscula e profissional) essa galera que se destaca da maioria das pessoas pelo tamanho, através de várias profissões. Existem algumas, inclusive, que exigem isso. Algumas profissões estão até esteriotipadas, pois quando temos que imaginar alguém da área, já imaginamos alguém forte. Então, vamos fazer essa tour e analisar algumas delas.



Pedreiros
Meu avô, o senhor Izidoro Lopes era pedreiro e eu o admirava por vários motivos. Além de gostar dele por me comprar diversos exemplares da coleção “Os Pensadores” e trazer pão-doce sempre que vinha me visitar, admirava seus antebraços. Eram poderosos, grandes, vascularizados. Seus pulsos passavam a impressão de que se alguém fosse tirar braço-de-ferro com ele iria acabar se machucando feio e até hoje, mais de dez anos depois que ele faleceu, ainda não entendo como os relógios cabiam em seu pulso. Eram grossos, rústicos. Fora a mão, calejada, áspera, que insistia em passar em minha cabeça sempre que me via sem meu boné ou dar aquele tapa amigo na nádega e dizendo “Vai lá, meu garoto”.
Pedreiros são caras fortes. Já vi muitos deles colocarem 2 sacos de cimento na cabeça e sair andando (cada saco de cimento pesa 50kg). A facilidade que têm para manusear coisas pesadas é impressionante! Claro que existem aqueles que não conseguem nem levantar o martelo, mas existem os pedreiros massudos e é deles que estou falando. Geralmente, com camisas xadrez dobradas até a altura dos antebraços (parte que se destaca), marmita sempre cheia e com tradição de comer demais : “Caraca, Betão, você come igual pedreiro !!!”.
Chame um pedreiro, desses “arretados” do nordeste do Brasil, pra treinar peito com você e prepare-se para ter uma surpresa. Cuidado ! Se o cabra se chamar Severino ou Agripino, você corre o risco de passar vergonha, pois ele levantará mais carga que você.

Trabalhadores portuários
Quer ver um cara com visual de Strongman ??? Um estivador ! É um cara enorme, muito grande, com ossatura larga, alto, levanta peso pra caramba. Em geral, são indivíduos muito fortes, pois precisam trabalhar levantando cargas muito elevadas o dia todo. Organizam as cargas para embarque e desembarque nos navios nos portos. Geralmente é exigido que tenham boa condição física, devido ao trabalho desgastante que terão diariamente. Além dos estivadores, outros trabalhadores portuários se destacam no que diz respeito à massa muscular :
Bloqueiros - Amarram, desamarram ou fixam as cargas para evitar, que as mesmas possam ficar soltas dentro do porão do navio.
Arrumadores - são carregadores de sacarias, pacotes, caixas e afins, realizando o processo de acondicionamento de descarga ou carga. E todos eles realizam seus afazeres de forma árdua, pesada.

Profissionais que fazem mudanças ou entregas residenciais
Quem nunca comprou um fogão, geladeira ou armário nas Casas Bahia, Lojas Marabraz ou Extra ? E quem veio entregar ? “Ah, Betão, o cara era pequeno”. Pode até ser que ele realmente era pequeno no quesito massa muscular. Mas com certeza, tinha uma força acima da média. Já vi um rapaz, desses que faz entrega pra essas lojas de departamento, muito pequeno mas que levou uma geladeira sozinho nas costas enquanto o outro estava conferindo a nota fiscal. São indivíduos que se dariam bem em provas de força, pois não possuem peso corporal elevado mas levantam grandes cargas. Uma vez, tive a chance de conhecer um desses, pessoalmente, em um campeonato de supino, nos anos 90. Enquanto todos conversavam quanto de carga pediriam na primeira tentativa, ele só dizia que iria levantar mais de cem quilos. Pra época e para seu peso corporal era uma carga e tanto. E ele levantou mesmo, com facilidade, deixando alguns “atletas” mais antigos com um certo ódio no coração. Mas como nessas competições as regras são bem rígidas, o “entregador de móveis” acabou não faturando o primeiro lugar, porque mexeu seu pezinho enquanto executava o movimento. Enfezado e dizendo que estava leve, bateu boca com o árbitro da competição e acabou sendo desclassificado.

Atores de Hollywood
Bom, só pra citar, existe hoje, uma vertente de filmes em que o ator precisa ser um cara grande, forte. E com certeza foram os titios Arnold e Stallone que começaram essa história. Depois vieram seus seguidores.

Lutadores de Wrestling
WWE, WWF ... todas essas organizações/federações possuem algo em comum : lutadores grandes ! São os que mais se destacam em cima de um ringue. É só alguém como John Cena (que também é ator) subir no ringue para lutar e os comentários começam : “Que cara enorme”, “Olha o tamanho do cara”, etc. Quem não se lembra do filme Rocky III, de 1982, quando o Hulk Hogan (Thunderlips) subiu no ringue com o Stallone ? O cara era monstruoso !!! (claro que houve um pequeno auxílio de um banquinho na cena em que ele se olham antes de iniciar a luta mas isso não tira o mérito do lutador de wrestling)



Seguranças
Passe em frente a uma boate, uma discoteca (ehehehe ... hoje em dia não se usa mais esse termo, né ?), ou qualquer um daqueles inferninhos que ficam abertos de madrugada e você verá um cara de terno, mal encarado, enorme, na frente do estabelecimento.
Pode ser escoltando um grande e famoso artista (ator, cantor, etc), levando um malote de dinheiro para uma agência bancária ou estar em frente a alguma loja. Seguranças são caras grandes e é até um modo de diferenciar um possível contratado em uma entrevista de emprego.
Aliás, meu primeiro emprego foi como segurança em uma agência de turismo. Precisava de grana pra comprar meus suplementos. Estava em uma faculdade pública e não tinha dinheiro pra nada, a não ser pra condução (e muitas vezes descia pela porta de trás do ônibus, pra pegar a grana e comprar um pote de fígado dessecado, suplemento “top” pra época).
Claro, que existem os seguranças churriados, magros ... tadinhos, geralmente estão nos shoppings, lugar, teoricamente, que não haverá tantos problemas e acabam servindo mais para dar informações ... mas não é deles que estou falando. Estou falando dos seguranças com cara de mau, cavanhaque, óculos escuros, que intimidam os fãs de um ator ou baderneiros em uma balada.


Atores circenses
Já reparou como equilibristas, trapezistas e outros “istas” do circo possuem uma baita força ? Repare como conseguem se equilibrar apenas com a força dos braços, das pernas. Não estou falando do anão, do palhaço de 70 anos e nem do mágico, tá? Falo daquele pessoal que quase sempre está vestido com aquelas roupas justas marcando sua genitália, que se equilibram em escadas, postes, etc. São pessoas extremamente fortes e que gostam de demonstrar isso em seus espetáculos. Não ! A mulher-barbada também não vale, pô !
Uma vez levei minha filha pra assistir um espetáculo em um circo famoso que veio se apresentar aqui em Guarulhos. Quando o pessoal começou a se equilibrar um em cima do outro e formar um muro humano, minha filha comentou “Você também consegue fazer isso, né, papai ? Você é mais forte do que eles.” Tive que concordar, afinal, era o herói dela na época.

Algumas profissões não exigem que você seja um cara forte. Outras nem farão você se desenvolver fisicamente. Quis mostrar nesse texto que nosso tão amado esporte pode estar interligado em lugares que você nem imagina, direta ou indiretamente. Há profissões em que a musculação pode servir como base e há profissões que o indivíduo pode parecer um maromba sem ao menos ter pisado em uma academia. Isso não quer dizer que um carteiro não possa ser gigante mas não é fator essencial para a profissão e sim, uma paixão pessoal. Agora, com certeza, você já reparou que os maiores sempre chamarão mais a atenção. 
Fato !

5 comentários:

  1. rsrsrrrsrsr verdade betãoo falow tudo
    quem gosta de homem pequeno e a branca de neve

    ResponderExcluir
  2. AUHAHUAHUAHUAAHUAHUAAHUUHAAUHAUHAAUHAUHAAUH

    ResponderExcluir
  3. hahahaha...vai tomar um puxão de orelha segunda!! só deixo passar essa pq é a primeira semana de organização! rum...
    ahaouihaoiuahiauhaiua

    ResponderExcluir
  4. massa pra caralho, já vi garis monstros tb!

    ResponderExcluir
  5. ahh, ja reparei bastante nessas coisas tb
    oq reparei é no meu tio, ele sempre foi muito grande e nunca treinou, ele mora no sitio, trabalha na roça, meu pai viu ele esses dias e falo q o cara ta com 110kg \o/ ele ta meio gordo, mais gigante!

    ResponderExcluir